BLOG

Dicas de segurança na utilização de ferramentas de corte

Você já parou para pensar na importância da segurança no uso de ferramentas de corte? Esse é o tema deste post!

Não é segredo para ninguém que uma ferramenta de corte pode causar acidentes. Por isso, conhecer as principais dicas de segurança no uso de ferramentas de corte é tão importante.

Em grande parte dos casos, os acidentes podem ser evitados, desde que haja colaboração entre os fabricantes das ferramentas, as empresas e os colaboradores.

Sendo assim, decidimos dar algumas dicas que podem fazer a diferença no dia a dia do seu negócio.

Segurança no uso de ferramentas de corte: invista em treinamento

O processo de treinamento na indústria é muito importante, porém costuma ser subestimado. É comum que novos colaboradores sejam orientados pelos seus colegas de trabalho. O problema é que, dessa forma, maus hábitos de segurança podem ser passados de um para o outro, como se fossem padrões de trabalho.

O treinamento deve ter como objetivo tirar dúvidas do funcionário e ajudá-lo a lidar com imprevistos. Investir em treinamento protege a saúde do colaborador, reduz o número de afastamentos por acidentes e melhora a imagem da empresa no mercado. Não há razões para não fazer.

Forneça EPI

Os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) são conquistas dos trabalhadores, já que nos séculos passados o conceito de proteção era inexistente. Além de fornecer os equipamentos adequados, é preciso que a empresa monitore o uso. Funcionários que se recusam a usar EPI podem ser advertidos por escrito e até serem desligados por justa causa.

Dicas de segurança na utilização de ferramentas de corte - Laio Ferramentas

Faça a manutenção das ferramentas

Falhas de manutenção podem tornar o uso das ferramentas de corte muito mais difícil. A presença de ferrugem aumenta o risco de tétano, caso o funcionário se corte.

O acúmulo de sujeira faz com que esses objetos se tornem pesados de usar, contribuindo para acidentes ou o surgimento de Lesões por Esforço Repetitivo (LER). Portanto, não deixe de contratar empresas especializadas na manutenção de ferramentas de corte, pois isso garante a qualidade do trabalho e dos processos internos da empresa.

Afie adequadamente as ferramentas

Ferramentas com problemas de fio podem representar um sério risco ao trabalhador. Dependendo do tipo do equipamento, ela pode travar durante o uso, pode deslocar o item cortado na direção de alguém, pode queimar as pessoas ou até cortar o indivíduo.

Afiar uma ferramenta de corte não serve apenas para garantir a sua eficiência, mas para evitar acidentes graves. Portanto, verifique a capacidade de corte dessas ferramentas, evitando que elas sejam usadas sem a devida afiação.

Evite improvisação

Tentar improvisar soluções é um erro que pode custar caro à empresa. Se a sua ferramenta apresenta defeitos, é preciso buscar suporte adequado para solucionar o problema.

Tentar colar peças, amarrar suportes etc. pode transformar um pequeno defeito em um grande acidente.

Normalmente, os funcionários mais experientes se sentem seguros para propor essas soluções, pois já não temem acidentes — e é aí que mora o perigo. Desestimule a improvisação de soluções na manutenção de ferramentas de trabalho.

A segurança no uso de ferramentas de corte ajuda empresa e trabalhador a não lidar com situações traumáticas, como graves acidentes que podem mudar para a sempre a vida de uma pessoa. A prevenção, como sempre, é a maior aliada nessa missão.

Compartilhe este post!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
VEJA TAMBÉM

Qual é a importância de afiar as ferramentas de corte?

Como cuidar de ferramentas de corte

Laio Ferramentas - Logo
Rod. da Uva, 1209 - Roça Grande
CEP 83402-000 - Colombo - PR
Horário de atendimento:
8h às 12h - 13h15 às 18h